quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

para quem pode!

Tem gente que não sabe receber carinho,
Tem gente que não sabe fazer carinho,
Tem gente que não quer carinho

Chego a conclusão que dar e receber carinho é para quem pode!

eu estou podendo!

Andréia Costa


terça-feira, 27 de dezembro de 2011

poesia mesmo que não seja minha leva a minha alma

E pois coronista sou.
Se souberas falar também falaras
também satirizaras, se souberas,
e se foras poeta, poetaras.
Cansado de vos pregar
cultíssimas profecias,
quero dar culteranias
hoje o hábito enforcar:
de que serve arrebentar,
por quem de mim não tem mágoa?
Verdades direi como água,
porque todos entendais
os ladinos, e os boçais
a Musa praguejadora.
entendei-mes agora?

Permiti, minha formosa,
que esta prosa envolta em verso
de um porta tão perverso
se consagre à vossa fé
sou já Poeta converso
Mas amo por amar, que é liberdade.
Gregório de Matos , por minha alma. 2012 com muito mais poesia, muito mais encontros, um ou outro desencontro e a luz de velas e de olhares sempre por perto. Casa sempre aberta.

Andreia Costa

domingo, 18 de dezembro de 2011

minha vida está por um fio

um fio de luz,
de água de rio

um fio de cor.
sem nada do outro lado.


.remando.

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

ninguém pode sonhar por ti

coisas improváveis
acontecem em momentos inesperados
isso é perfeito.
dia perfeito
21 de novembro de 2011


.

sábado, 22 de outubro de 2011

Benditas palavras não ditas


benditas
palavras não ditas.
só você vai saber dizer,
o que em meu querer te faz não querer.

- você também não queria estar longe, mas também não quer estar perto.

benditas
palavras não ditas.


estou livre para pensar e
sentir
que palavras não ditas
são para não magoar.

não quero trocar um beijo
por uma palavra não dita
no vazio da chuva
penso
rezo
desejo
que um dia eu compreenda as
benditas
palavras não ditas.


um sofrimento agora
é mais que um ensinamento
a dúvida, só traz arrependimento.

se eu pudesse escolher
escolheria saber.
mas as
benditas
palavras não ditas
 são suas.

e você escolhe não dizer.

o que posso fazer?
duvidar de um novo romance - temer um novo fim - evitar me entregar - tentar não viver o amar.
(isso porque não sei as
benditas
palavras não ditas)

aceito,
que esse é o meu seguir
seguir sem saber.
o que aconteceu comigo e contigo.

penso que o não saber só aumenta o meu medo de amar
... mas se esse é meu caminho.
então
me envolverei menos - não me entregarei tanto -
as portas da minha casa se fecham
como as janelas do meu coração ...
mas não amarei menos.

até que um girassol venha me dizer as
benditas
palavras não ditas.

sou livre
e deixo livre

e por não saber as suas
deixo aqui as minhas

benditas palavras:
te amo incondicionalmente

serei flor e vento para nunca esquecer
serei semente que brota com a chuva.

benditas
sejam

as minhas palavras pra você

que te tragam conforto e aconchego (sempre)
e a certeza que as janelas do meu coração podem estar fechadas,
mas nunca, a porta!

benditas, suas
palavras não ditas

que me fazem voltar a escrever


andreia costa



domingo, 16 de outubro de 2011

recaminho

gratidão agradeço
amor reconheço.


terça-feira, 13 de setembro de 2011

quem não me conhece que me compre!

para quem me conhece é de graça,
mas os amigos sabem disso!

sei disso, e rio a toa!




... foto denise liberato




.

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

acolá! eu só cheguei

vivi uma parte da minha vida por ali
a outra vou viver acolá!

eu só cheguei

sábado, 3 de setembro de 2011

domingo, 14 de agosto de 2011

todo silêncio será respeitado.

sim as vezes quer dizer não
não muitas vezes quer dizer sim
quase sempre também quer dizer talvez
só o silêncio é definitivo

todo silêncio será respeitado



.andreia costa.

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

oração


nossa senhora da boa viagem
(e os outros santos também) 
me deixem sempre na estrada.
amém


.

sábado, 6 de agosto de 2011

sem pressa





Não se afobe, não
Que nada é pra já
Amores serão sempre amáveis
Futuros amantes, quiçá
Se amarão sem saber
Com o amor que eu um dia
Deixei pra você

(chico buarque) 




.

sábado, 23 de julho de 2011

Uns escolhem as folhas outros a relva.

(Che e sua primeira filha, Hildita)
Quando eu vejo Che Guevara
vejo primeiro um poeta
Outras pessoas vêem um assassino

(Wolfgand Amadeus Mozart)
Quando ouço Mozart  ou  Bethoven
Eu ouço primeiro, dois Gênios
Outras pessoas vêem crianças obrigadas pelos pais a estudar desde cedo


Quando eu vejo a história do Oscar Schmidt
 eu vejo primeiro, superação
outras pessoas vêem uma formula de auto ajuda

quando eu vejo os eventos voltando para a Praça da Estação
eu vejo primeiro, um lugar reconquistado –
outros vêem como um lugar fechado

 (Quasdro A Gafieira - Di Cavalcanti)
quando eu danço Samba
eu sinto primeiro a fluidez
outros sentem a dureza da coreografia.

quando eu penso nas multas de transito,
eu penso primeiro em um mal que podia ser eliminado com educação
 outros vêem como a única forma de educar.


quando eu encontro essas outras pessoas 
sinto quem elas vêem  a vida pelas folhas
e eu continuo preferindo a relva.

E as folhas da Relva – Walt Whitman  

(ainda bem que tenho falado pouco de Neruda)

sábado, 16 de julho de 2011

há de se ter

há de se ter paciência
permissão e delicadeza
para se chegar ao coração do poeta.


.

sexta-feira, 8 de julho de 2011

verdade vos digo

é difícil assumir
mas hoje meu pecado capital é a inveja.

peço: humildade, paciência, diligência, temperança e generosidade para ter mais caridade
a tá bom, deixei a castidade de lado, mas não posso ser perfeita né!
  Caridade é a bondade suprema para consigo mesmo e para com os outros.
Acho que posso me lembrar disso  
 me ajuda?
 porque será que o outro lado sempre parece melhor





,

quarta-feira, 6 de julho de 2011

erro

erro 
erro
erro

entendi errado de novo!


.
ohhh cabecinha tonta!
passo minha vez.

e ja vou começar de novo

me dê mais papel e lápis.

 a Palhaça


.

quarta-feira, 22 de junho de 2011

aos meus queridos amigos

obrigada
obrigada meus amigos
obrigada pelo cuidado que vocês tiveram comigo.

não esperava outra coisa de vocês!

mas agora está tudo bem,
a saia justa ja passou!

prezo muito a todos, pois queridos vem e vão
já os amigos ficam pra sempre!

andreia costa 22 de junho de 2011 - Belém do Pará
amigos sempre amigos


.

terça-feira, 21 de junho de 2011

aos homens da minha vida

assumo toda responsabilidade pelas escolhas que fiz
se fiz algumas erradas.


alguns homens passaram pela minha vida de coração aberto:
se interessaram, me curtiram 
(alguns me amaram), descurtiram e não me esqueceram
esses nunca deixaram de me amar
pois uma vez amado - eterno amor.
aos que só curtiram - esses sim podem simplesmente descurtir
o importante e que estes entraram e saíram a minha vida de coração e olhos abertos.
a esses meu eterno amor, carinho ou curtição.


os outros já passaram de olhos fechados.
pisando em flores e poesias
se interessaram, me curtiram 
(nenhum desses me amou - com certeza) 
e me esqueceram.
a diferença foram os olhos fechados.
a esses meu eterno carinho.


ao último homem que passou na minha vida 
[um romance que começou com páginas arrancadas de um livro]
esse nunca vou saber sobre seus olhos, pois ja consegui o livro, colei as páginas arrancadas e coloquei na estante. 
Na minha estante na parte de meus queridos!



por este com certeza escreverei meu primeiro livro.
poesia, um livro para se arrancar páginas, com carinho, afeto e cuidado.

assumo toda responsabilidade pelas escolhas que fiz

pesando bem 
acho que não fiz nenhuma escolha errada.

amar, gostar curtir sempre vale pena
"se a alma não é pequena"
Fernando Pessoa

.

segunda-feira, 20 de junho de 2011

..

 
 
 
ex isto
não
des isto
 
 
 
.

domingo, 19 de junho de 2011

...



minhas letrinhas amam outras pernas
outras terras
outros rumos


.

sexta-feira, 17 de junho de 2011

tentando me recuperar



ah
lua que falta você me faz!


.




terça-feira, 14 de junho de 2011

então vamos mudar comandante


aos meus amigos vermelhos.

“La vida es como el pan, que agrada al sabor después de hecho, pero se hace con levadura agria.”
jose marti


segunda-feira, 13 de junho de 2011

gostar é:

gostar é:
gostar do jeitinho que ele é
gostar da distância
gostar da displicência
gostar da impaciência
gostar do descuido
gostar dos pedaços
gostar é fazer-se vento e ventar
sem saber onde as folhas vão parar!


sábado, 11 de junho de 2011

hein?

Que tal nós dois
Numa banheira de espuma
El cuerpo caliente
Um dolce farniente
Sem culpa nenhuma...

Fazendo massagem
Relaxando a tensão
Em plena vagabundagem
Com toda disposição
Falando muita bobagem
Esfregando com água e sabão...

Uh! Lá! Lá!...

Que tal nós dois
Numa banheira de espuma
El cuerpo caliente
Um dolce farniente
Sem culpa nenhuma...

Fazendo massagem
Relaxando a tensão
Em plena vagabundagem
Com toda disposição
Falando muita bobagem
Esfregando com água e sabão...

Lá no reino de Afrodite
O amor passa dos limites
Quem quiser que se habilite
O que não falta é apetite...

Que tal nós dois
Numa banheira de espuma
El cuerpo caliente
Um dolce farniente
Sem culpa nenhuma...

Fazendo massagem
Relaxando a tensão
Em plena vagabundagem
Com toda disposição
Falando muita bobagem
Esfregando com água e sabão...

Lá no reino de Afrodite
O amor passa dos limites
Quem quiser que se habilite
O que não falta é apetite
Uh! Lá! Lá! Lá!...

Lá no reino de Afrodite
O amor passa dos limites
Quem quiser que se habilite
O que não falta é apetite...
Lá no reino de Afrodite
O amor passa dos limites
Quem quiser que se habilite
O que não falta é apetite
Rita Lee / Roberto de Carvalho

quarta-feira, 8 de junho de 2011

minhas

depois da ilha de páscoa, chapada diamantina, 
rio branco,curitiba, floripa, serra da mantiqueira, recife,
maceió, almenara, barbacena, tangará da serra,
são luiz, salvador aguas formosas, arequipa, 
joão pessoa, nazca, santiago do chile, pirapora, 
são paulo, panamá, brasailia,goiania, patos, maceió,
cusco, chapada dos guimarães, aiuruoca,
buenos aires, cocalinho, cuiabá, estrela do sul
havana, januária, lassance, machu picchu, 
ouro preto, pinãr del rio, san isidro, são joao del rey, 
teofiolo ottoni, valparaiso, ... agora
 minhas pernas me levam pro céu

sexta-feira, 3 de junho de 2011

Por Elise - Grupo Espanca

desidratei de tanto chorar
ri de desespero
e agora escrevo compulsivamente.

... por fim vejo que estou cuidando do que estou plantanto, planto poesia.
sei que os frutos que por ventura vierem a cair, podem não ser tão doce quanto desejo, mas serão frutos. Frutos do meu plantar.

estou cuidando de sentir muito e me envolver sempre.
lamento é só o que posso sentir, por quem tem passado tentando ser meio, 
se vangloriando por não envolver, e sendo pedaço, tem a desculpa para não ser inteiro e não cuidar de mim nem do outro.
so lamento e choro.
mas eu reforço minha levada
de estar inteira
sempre
sentindo

mesmo que o fruto que por ventura venha a cair não seja tão doce quanto eu espero.

quarta-feira, 1 de junho de 2011

.

 -









não mesmo
não dá pra desistir

só amar preenche o vazio do não amor.














-

terça-feira, 31 de maio de 2011

brincadeira

brincadeirassãoverdades 
durasquefazemosficar 
levesparalevaravida.

 foto ludmila loureiro

já o texto é meu mesmo

.

sexta-feira, 27 de maio de 2011

inteireza

porque mesmo minguando a Lua está sempre inteira.

nos meus caminhos não deixo pedaços,
carrego tudo
pesado e inteira
pesada sou inteira

sou pesada de história pra contar.


.

terça-feira, 17 de maio de 2011

caixa fechada esperando o dono

quem recusa presente
é para esquecer passado?

pena

eu quero mais é lembrar

.
caixa fechada esperando o dono

.

sábado, 14 de maio de 2011

poemando

algumas poesias só o papel 
pode comportar

sendo assim
vou colecionar 
endereços de amigos
e compartilhar
(favor enviar os endereços até dia 25 de maio)





.
depois só aguardar pelo correio
 pois paredes não saem do lugar




.
Lugares e Caminhos


segunda-feira, 9 de maio de 2011

tomando jeito na vida

catando as últimas pedrinhas 
para encher meu coração.

poesia concreta.


.



sexta-feira, 29 de abril de 2011

mejor ahora que mañana


" Em la tierra hacen falta personas que trabajen más y critiquem menos,
que contruyan más y distruyan menos,
que resuelvam más y prometam menos
que esperen recibir menos y dar más
que digan mejor ahora que mañana"
Che Guevara

ainda bem que meus amigos são assim!
muito obrigada por fazerem minha vida mais feliz,
me dando mais que sou capaz de retribuir!
Andreia Costa
29 abril de 1971

domingo, 10 de abril de 2011

hay que mirar para ver, hay que andar.


CUANDO YO VINE A ESTE MUNDO
Nicolás Guillén, 1947
poeta Cubano

Cuando yo vine a este mundo,
nadie me estaba esperando;
así mi dolor profundo
se me alivia caminando,
pues cuando vine a este mundo,
te digo,
nadie me estaba esperando.


Miro a los hombres nacer,
miro a los hombres pasar;
hay que andar,
hay que mirar para ver,
hay que andar.


Otros lloran, yo me río,
porque la risa es salud:
lanza de mi poderío,
coraza de mi virtud.
Otros lloran, yo me río,
porque la risa es salud.

Camino sobre mis pies,
sin muletas ni bastón,
y mi voz entera es
la voz entera del sol.
Camino sobre mis pies,
sin muletas ni bastón.

Con el alma en carne viva,
abajo, sueño y trabajo;
ya estará el de abajo arriba,
cuando el de arriba esté abajo.
Con el alma en carne viva,
abajo, sueño y trabajo.

Hay gentes que no me quieren,
porque muy humilde soy;
ya verán cómo se mueren,
y que hasta a su entierro voy,
con eso y que no me quieren
porque muy humilde soy.


Miro a los hombres nacer,
miro a los hombres pasar;
hay que andar,
hay que vivir para ver,
hay que andar.

Cuando yo vine a este mundo,
te digo,
nadie me estaba esperando;
así mi dolor profundo,
te digo,
se me alivia caminando,
te digo,
pues cuando vine a este mundo,
te digo,
¡nadie me estaba esperando!

terça-feira, 5 de abril de 2011

(RE)considerar.

.
considerando o fato de não estar sozinha no mundo,
resolvi (RE)considerar.
 
 
 
 
.

terça-feira, 29 de março de 2011

trocar figurinhas

...  agente só pode dar o que possui!
se alguém não te dá carinho
nem carrinho é por que não tem! 

tadim!
 
eu tenho muitas ferraris de plástico 
e cafuné sobrando...

vou procurar quem tenha pra trocar 

por um livro de poesia.

domingo, 27 de março de 2011

Apenas Mais Uma De Amor

Composição : Lulu Santos / Nelson Motta
(griffos meus)
 
Eu gosto tanto de você
Que até prefiro esconder
 

Deixo assim ficar
Subentendido


(desentendido) 
 
Como uma idéia que existe na cabeça
E não tem a menor obrigação de acontecer



Eu acho tão bonito isso
De ser abstrato baby
 
A beleza é mesmo tão fugaz

...

Pode até parecer fraqueza
Pois que seja fraqueza então,
 

A alegria que me dá
Isso vai sem eu dizer


Se amanhã não for nada disso
Caberá só a mim esquecer
O que eu ganho, o que eu perco
Ninguém precisa saber
 
 


quinta-feira, 24 de março de 2011

mais umas de Michael Jordan

esse cara me ensinou a ganhar e a perder
e saber que podemos recomerçar mesmo quando parece ser o fim


ensinou a calar
e a ir pra cima

ensinou a brigar 
 e a deixar passar

ensinou
que o jogo só termina no útimo segundo

e que quando acaba,
acaba


para ficar na memória
não precisa ser campeão,
só precisa ser o melhor

bonito, você foi o melhor

.

quarta-feira, 23 de março de 2011

asas tem quem voa


sempre que preciso voar
minha inspiração é você

"Errei mais de 9.000 cestas e perdi quase 300 jogos.
Em 26 diferentes finais de partidas fui encarregado de jogar a bola que venceria o jogo... e falhei. 
Eu tenho uma história repleta de falhas e fracassos em minha vida.
E é exatamente por isso que sou um sucesso." 

 todos os créditos a Michael Jordam




terça-feira, 22 de março de 2011

andando com todo cuidado


cuido demim e
detinão cuidam de mim | descuido.


e rezo para não (te)esquecer.




.

segunda-feira, 21 de março de 2011

dia - noite

novo dia
nova noite
tudo novo,

só não precisa ser agora





.

domingo, 20 de março de 2011

aniversário

hoje faz um ano que começamos
agradecimentos e beijos 
(uns na boca outros no rosto 
- pois ja tem gente casada ...)

a todos que serviram de inspiração 

adriana - agustavo - alberto - aldemar  - alencar - alessandra - alexandra - alexandre - alice - aline - aloisio -  alysson - alvaro - amanda - ana - anayanci - andré - andrea - andreia - annie - aggeo - antonio - arethuza - ariadne - arnaldo - arlindo -  augusto - barbara - beatriz - bela - beth - beto - bruna - bruno - camila - carem - carla - carlos - carmem - carolina - cassio - catarina - cátia - célia - cezanne - celme - cesar - cibele - cid - cida - cintia - cirilo - claudia - clarissa - claudete - claudio - clever - cleber - clovis - cris - cristina - cristiana - cristiane - delcio - daniel - daniela - denilson - domingos - denis - denise - dorotea - dulce - eda -eduardo - elaine - elida - elisa - elisangela - evandro - emerson - eneila - elimar - eni - ereni - erika - fabiola - fabiana - felipe - fernando - fernanda - flávia - flávio - flora - fran - francine  - fred - fátima  - gabriel -glaucinei - glaucia - gustavo - giselda -  guilherme - haroldo - hebbe - helen - heleno - helena - heloisa - heraldo - heitor -  iane - igor - ildeu - ilza - ivana - ivan - izabela -  jaime - jader - jairo - jane - julia - julio - jaqueline - jean - jairo - jeff - jivago - jo - joseane - joana - joão - jorge - jose - juan - jualiana - juliano - junia - karina - katia - kleiton - kleder - leandro - leila - lelis - lena - leo - leticia - lino - livia - lolo - lousane - lu - luana - lucas - lucia - luciene - luciana - lucimara - lucy - ludmila - luisa -  luzia - lugério - marcio - maria - marcela - marcelo - marcia - marco - marcos -  marcus - marlette - maurilio - mazarelo - maurizio - mauro - milton - mito - miclelli - monica - myrian -  nayla - nereida  - nelson - nicia - odiceia - oda - odicéia - odo - otto - oswaldo -  olivia  - otavio - paola - paula - patricia - paulo - paloma - pedro - pollyana - preta - piastrelli - rafael  -  reciane - regina - renata - renato - ricardo - rick - rita - roberta - robson - rodrigo - rogério - ronan - ronnie - rosa - rosangela - rubia - rubens  - sabrina  - sassá - saulo - samira - savio - sandra - sebatiana - selma - sheila - silas - silvana - simone - soraya - sonia - sylvie - silvia - tasso - tania - tatiana - teresa - teia - tia - tio - thiago - tieres  - valeria - vania - vanessa- vicente - vinicius - vitor - walace - walmath - walter - vanderlei   - weber - wendel - wellington - yuri - yara - zé.

meu muito obrigada por esse caminho 

(e todos os que a cabeça de pudim não deixou lembrar agora )
mas se seu nome não está aqui - grite - reclame e coloque a boca no mundo
foto ludmila loureiro

aniversário

hoje faz um ano que começamos
agradecimentos e beijos 
(uns na boca outros no rosto 
- pois ja tem gente casada ...)

a todos que serviram de inspiração 

adriana - agustavo - alberto - aldemar  - alencar - alessandra - alexandra - alexandre - alice - aline - aloisio -  alysson - alvaro - amanda - ana - anayanci - andré - andrea - andreia - annie - aggeo - antonio - arethuza - ariadne - arnaldo - arlindo -  augusto - barbara - beatriz - bela - beth - beto - bruna - bruno - camila - carem - carla - carlos - carmem - carolina - cassio - catarina - cátia - célia - cezanne - celme - cesar - cibele - cid - cida - cintia - cirilo - claudia - clarissa - claudete - claudio - clever - cleber - clovis - cris - cristina - cristiana - cristiane - delcio - daniel - daniela - denilson - domingos - denis - denise - dorotea - dulce - eda -eduardo - elaine - elida - elisa - elisangela - evandro - emerson - eneila - elimar - eni - ereni - erika - fabiola - fabiana - felipe - fernando - fernanda - flávia - flávio - flora - fran - francine  - fred - fátima  - gabriel -glaucinei - glaucia - gustavo - giselda -  guilherme - haroldo - hebbe - helen - heleno - helena - heloisa - heraldo - heitor -  iane - igor - ildeu - ilza - ivana - ivan - izabela -  jaime - jader - jairo - jane - julia - julio - jaqueline - jean - jairo - jeff - jivago - jo - joseane - joana - joão - jorge - jose - juan - jualiana - juliano - junia - karina - katia - kleiton - kleder - leandro - leila - lelis - lena - leo - leticia - lino - livia - lolo - lousane - lu - luana - lucas - lucia - luciene - luciana - lucimara - lucy - ludmila - luisa -  luzia - lugério - marcio - maria - marcela - marcelo - marcia - marco - marcos -  marcus - marlette - maurilio - mazarelo - maurizio - mauro - milton - mito - miclelli - monica - myrian -  nayla - nereida  - nelson - nicia - odiceia - oda - odicéia - odo - otto - oswaldo -  olivia  - otavio - paola - paula - patricia - paulo - paloma - pedro - pollyana - preta - piastrelli - rafael  -  reciane - regina - renata - renato - ricardo - rick - rita - roberta - robson - rodrigo - rogério - ronan - ronnie - rosa - rosangela - rubia - rubens  - sabrina  - sassá - saulo - samira - savio - sandra - sebatiana - selma - sheila - silas - silvana - simone - soraya - sonia - sylvie - silvia - tasso - tania - tatiana - teresa - teia - tia - tio - thiago - tieres  - valeria - vania - vanessa- vicente - vinicius - vitor - walace - walmath - walter - vanderlei   - weber - wendel - wellington - yuri - yara - zé.

meu muito obrigada por esse caminho 

(e todos os que a cabeça de pudim não deixou lembrar agora )
mas se seu nome não está aqui - grite - reclame e coloque a boca no mundo 

foto Ludmila Loureiro